Já não chega o lixão em que transformamos a Terra e estamos transformando o espaço, em breve será a vez da Lua.
A Agência Espacial Européia planeja a construção de uma vila em plena lua, com o objetivo de "servir a ciência, negócios e turismo" e o que mais nos deixa preocupados, para "fins de mineração", segundo Johann-Dietrich Woerner, o chefe da agência!
A Estação Espacial Internacional, que a princípio ficaria ativa até 2020, teve o seu funcionamento estendido para 2024. A intenção seria substituí-la por essa vila.
Entretanto, segundo a agência, são necessários ainda 20 anos até que se tenha a tecnologia necessária para viabilizar essa empreitada.
 

 


Com visual muito parecido com o modelo 5S, chega no final desse mês às lojas dos EUA, o iPhone SE.
Tela de 4 polegadas, com processador A9 de 64 bits, 1 GB de memória RAM e câmera de 12 M com qualidade 4K ao preço de US$399 na versão 16 GB de armazenamento interno e US$499 para o modelo com 64 GB.
Um aparelho levíssimo - só 113 gramas - e bateria que promete.
Uma grande vantagem é que ele já vem rodando a última versão IOS, a 9.3.
 

 


Os usuários de smartphones BlackBerry se dizem "extremamente desapontados" com a decisão do Facebook de descontinuar o suporte para a sua aplicação.
Já não bastasse o fato de que o WhatsApp deixará de funcionar até o final de 2016 para os usuários do BackBerry, do Symbian da Nokia, do Windows Phone 7.1 e versões muito antigas do Android, mais esse banho de água fria, agora dado pelo Facebook.
Infelizmente ou felizmente é assim que funciona. A evolução tecnológica caminha a passos largos e se você quiser seguir junto com a onda, vai ter que se adaptar.
 

 


A Amazon está dando o último alerta para os usuários do leitor de livros digitais Kindle.
Existe uma atualização crítica para os modelos mais antigos que, se não for feita até amanhã, 22 de março de 2016, vai deixar o dispositivo sem conexão à internet. Se você perder o prazo ainda é possível fazer a atualização, baixando via PC ou notebook e enviando ao Kindle via USB.
 

 


Fortes rumores de que a Sony está trabalhando em um novo console chegam ao mercado.
Trata-se do "Playstation 4.5" (esse seria o nome de batismo provisório).
Ele chegaria para tornar a experiência com o Playstation VR mais real e agradável, pois rodaria jogos em 4K.
Ué, mas o PS4 já não roda jogos 4K? Não. Ele apenas roda vídeos com essa qualidade.
Enquanto a notícia começa a se espalhar lentamente, pois não é confirmada, os especialistas já apressam-se em opinar. Uma parte não acredita que esse novo harware possa chegar logo ao mercado, pois isso demandaria um investimento e aposta a médio/longo prazo dos desenvolvedores de jogos, muito grande. Com a mudança da plataforma, os jogos em 4K não rodariam na versão atual, então duas versões deveriam ser desenvolvidas. A outra parte acredita na força do mercado e que não se pode mais adiar o lançamento dos consoles para 4K para serem utilizados com as novas TV´s com a mesma tecnologia.
Vamos esperar para ver!
 

 


Enfim, 10 anos já se passaram depois do primeiro twitt de Jack Dorsey em 21 de março de 2006.
Parabéns Twitter!!!
 

 


Para você que já usa e é fã do Waze e para você que nem sabe o que é isso, uma super novidade: agora o Waze te avisa quando você tem que sair para o seu compromisso, para não chegar atrasado.
Antes porém, para quem não conhece, o Waze é um dos maiores aplicativos de trânsito e navegação do mundo baseado em uma comunidade. Sabe o GPS? Pois é, esse app para smartphones e tablets desbancou os aparelhinhos de GPS.
Como funciona essa novidade: você coloca na agenda, um compromisso em um local, informa o endereço e a hora que tem que estar lá. Com base no trajeto e no trânsito, o Waze te avisa quando sair, para que você chegue no horário.
Se você não encontra essa função no seu app, basta ir até a Google Play e atualizar a versão. Ah, acaba de sair a versão para IOS também!
 

 


Ele está voltando e agora você vai poder usá-lo na sua TV com entrada HDMI e praticamente não notar diferença para um PC comum.
O mini PC da Intel, o Computer Stick com Windows 10 tem previsão de chegar às lojas até o final desse ano.
Lançado em janeiro do ano passado com a versão 8.1 do Windows, agora chama mais a atenção, pois funciona muito bem com a versão 10.
O equipamento é bem parecido com um pendrive grande.
O hardware conta com processador de 2 GHz, 32 GB de armazenamento interno, 2 portas USB 3.0 e WiFi pelo preço de US$159.
 

 


Você não leu errado! São cem mil dólares para quem conseguir encontrar alguma falha grave de segurança no Chromebook. Mas o Google está pagando recompensas menores, basta que você aponte maneiras de burlar ou contornar qualquer recurso de proteção do sistema.
Só no ano passado a Google pagou cerca de US$2 milhões para centenas de pessoas que encontraram e relataram problemas.
 

 


Fique de olho!
Ainda esse ano você pode ter a desagradável surpresa ao tentar se conectar na sua banda larga e ver que ela não funciona ou que a velocidade está muito menor do que a de costume.
As principais operadoras já começaram a incluir em seus contratos, a franquia de dados, que é a quantidade de MB que podemos baixar ou upar, igualzinho ao celular.
Pelo que pudemos levantar, a franquia tem o respaldo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), desde que sejam observados alguns detalhes, como a disponibilização de uma ferramenta que possibilite ao usuário, acompanhar o consumo de dados.
Aparentemente até os contratos antigos serão afetados - veja se a sua operadora já não fez essa alteração no seu contrato. Verifique se sua fatura mensal informa a franquia. Se informar, verifique na fatura de 12 meses atras.
A alegação parece ser a mesma: tentar proporcionar ao usuário uma melhor experiência de navegação, coibindo os abusos. Não seria melhor para o usuário poder contar com uma infraestrutura mais robusta, sem falhas? Não estamos regredindo?
Não é nada estranho que quem detém os serviços de tv paga, estejam preocupados com o crescimento dos serviços de streaming, como NetFlix e Youtube e passem a cobrar a franquia de dados, uma vez que é fato que a tv perde cada vez mais espaço para esse modelo de programação, onde o usuário decide o que e quando ver.
Enfim, acredtiamos que isso vai causar muitas reclamações e que os órgãos de defesa do consumidor irão atuar para que ninguém saia perdendo, afinal de contas, um negócio só é bom, quando os dois lados ganham.